segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Muito agito e a primeira palmada a gente nunca esquece!

Desculpem a ausência da semana passada aqui, mas tava tudo muito agitado. Muito trabalho no trabalho e em casa: obras e testes de alergia. Pois bem, como eu já disse aqui no blog, minha Maria Rita é alérgica às proteínas do leite. Semana passada, a Maria fez o quarto teste de alergia e ainda deu "um pouquinho" em relação à uma proteína. Já chorei, já questionei, já reclamei, já agradeci e já pedi perdão, porque se a gente parar pra olhar em nossa volta, vemos crianças com problemas muito mais sério que o da nossa Maria Rita. Graças a Deus, para nossa família é só mais uma questão de tempo e pra quem já esperou 02 anos pode esperar mais um mês. Falta pouco, o problema é a ansiedade!  

****

Bola pra frente, mais novidades: nosso biquini, que ganhamos do sorteio promovido pelo blog que eu adoro Mãe Mochileira, Filho malinha em parceria com a Mini Encanto chegou também na semana passada. Que qualidade, que delícia de detalhes (Maria adorou o lacinho da frente), que encanto! Obrigada mais uma vez! Como tínhamos que extravasar o estresse da semana, corremos para a praia e o resultado foram muitas fotos:



Minha mini fashionista!! ...rsrsr... A calcinha tá por cima da fralda de piscina...
Muito lindinho! Adoramos!
 
****
Desculpem as adeptas do "Contra as palmadas", mas tem hora que parece ser necessário. Maria Rita está um "pouquinho" abusada, alguém sabe de algum teste pra ver se isso também passa? Enquanto não sabemos, muita paciência, mas ontem foi demais: A Maria queria ficar arrastando o bumbum no chão de cimento como se fosse um escorrega estragando o short, por duas vezes eu disse pra ela que não podia, ela olhava  pra mim e voltava a fazer, por duas vezes sentei ela de castigo para ela não fazer novamente, ela saía do castigo e voltava a arrastar o short. Na última tentativa, que até então era apenas assistida pelo pai dela, eu disse: "Maria, não arrasta"! - Sabe o que ela respondeu: "AAASTO SIM!". Não prestou, papai deu-lhe uma palmada na bunda (por cima da fralda, claro!), mas bem doída. Podem ter certeza, doeu mais nele do que nela. Depois disso, ela ficou sentada quietinha do lado dele e chorando, mas não amaciei, apesar do meu coração pedir muito. Quando passou os minutinhos, ele foi acalmando ela, voltaram a brincar novamente, eu dei uma banho nela, papai deu "jantinha" e pasmem: ela voltou para o quintal, foi para o local do "escorrega", olhou para mim e o papai dela, abaixou-se, mas não encostou o bumbum no chão e ficou cantando uma musiquinha que a gente canta pra ela quando vai dormir: "Gatinha da mamãe, gatinha do papai!"... Posso com isso?!

Foi para começar a semana!

Bjs.
A gente se vê!

5 comentários:

  1. Ohhhhhhhhhhhhh que foto fofa, beijinho doce esse.
    Biquíni lindooo.
    E quanto a palmadas aqui em casa, de vez em sempre tem umas tbm, prefiro dar do que um dia levar.
    bjus

    ResponderExcluir
  2. Que coisa fofa a Maria com o biquini! Adoramos! Vamos colocar lá no Blog daqui a pouco! Passa lá pra ver.
    Bjs
    Claudia

    ResponderExcluir
  3. owww que linda ela ficou..mais linda ainda,quero dizer,rsrsrs..uma princesa de verdade! fico feliz em ter feito o sorteio !! ;-)
    olha, sobre a palmada..lembro bem de como fiquei qndo dei uma pela 1 vez no enzo..super mal..mas ai lembrei q levei umas boas palmadas(veja bem,concordo c vc,palmada n é surra ..ai sim sou contra) da minha mãe..e eu a amo ,acho ela a melhor mãe do mundo..e acho q n poderia ter me dado melhor educação!!e quer saber?? educar nosso filho cada pai e mãe acha seu proprio metodo... o que é certo p vc pode n ser p o vizinho e vice versa...beijos,otima semana!!

    ResponderExcluir
  4. Que charame a Maria de biquini,Fofa demais.
    Fiz um post sobre lareiras espero que lhe dê alguma idéia.

    ResponderExcluir
  5. Que fofa de biquini!
    Sou contra ficar batendo toda hora em crianças e, principalmente surrando como muitos fazem. Evitamos ao máximo dar palmadas na pequena, mas, quando precisa muito amiga, tem de ser feito. Conversamos, colocamos de castigo, mas tem horas que algo tem de ser feito. Criança sem limites, sim, é muito mais prejudicial para a vida dela!
    A minha também teima e nos desafia muito. Nas férias ela teve uns dias tão difíceis nesse sentido, que levou palmada uns três dias seguidos. Mas resolveu. Agora, quando ela testa muito, eu pergunto se quer apanhar e ela diz que não, e rapidamente obedece. Antes, amiga, ela chegava a dizer que queria apanhar ou o castigo ao invés de obedecer, acredita?
    Temos de ter muita paciência, lidar com amor, mas falarmos firmes e deixarmos claro que existe limite, sim.
    Beijos.

    ResponderExcluir